A Dúvida Persiste, Insiste! Por Mário Machado Júnior

O ignorante afirma, o sábio duvida, o sensato reflete.” – Aristóteles

Prefiro ser sábio em duvidar daquilo que nos cerca, para depois ser um sensato reflexivo, jamais um ignorante ao afirmar o que seja até mesmo porque tudo sei que nada sei. E não sei mesmo!

Vejam bem, devemos ter dúvida em tudo que nos cerca, ainda mais considerando o que nos ensina o mundo jurídico “In dubio pro reo” na dúvida decide-se em favor do réu. Assim há que ser no nosso infeliz universo futuro politico, onde o réu aqui somos nós mesmos. Não duvide!

Nós estamos condenados a um processo que não demos causa, porém também não somos tão inocentes assim, nossa responsabilidade pode ser comprovada em todas as eleições anteriores, com uma ressalva, podemos nos redimir na eleição seguinte e não fazemos isso. Incidimos em erro.

Teremos eleições em 2018, o que esperar e o que podemos fazer? Podemos simplesmente, não errarmos mais. Sermos mais seletivos, escolhermos melhor, não pecarmos nas burradas de eleições em que dentaduras e outras quimeras que levam a votar sempre nos mesmos, a repetir as mesmas figuras.

Será que somos tão incompetentes assim?

Será que o Pelé teve razão ao dizer que o brasileiro não sabe votar?

Cada dia que passa, assim como se aproximam as eleições, vai aumentando o meu ceticismo e a minha decepção com relação ao quadro atual e ao futuro. Se condenados, a maioria dos políticos envolvidos na lava jato, teríamos uma renovação gigantesca no Congresso como um todo, e ai quem sabe termos alguma mudança. Mas isto é um mero sonho de alguém que almeja um Brasil melhor, mais justo, mais limpo, mais transparente, quiçá honesto. Será pedir muito?

As incertezas são enormes e as dúvidas mais ainda. Quem restará de pé o suficiente para se aventurar em uma nova eleição, deixando de lado é lógico os caras de pau que nós já conhecemos?

Enquanto a nossa única saída para as crises e problemas for por meio do voto eu sinto que teremos problemas eternos. Os mesmos sempre voltam. Não existem novos que queiram se lançar, pois os antigos com seus atos já criam a barreira necessária para que o homem de bem não queira se misturar.

“De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto.” Ruy Barbosa

#RENOVA2018

Ajudem a ONG VIDA BIXO LEM:

https://www.vakinha.com.br/vaquinha/salve-a-ong-vida-bixo 

Notícias Relacionadas

Esse olhar diz tudo!

Postado por - 20 de novembro de 2017 0
Compartilhar no WhatsApp   Amigos da Ong vida bixo  muitos que conhecem nosso trabalho sabem das dificuldades diárias para manter…