Médico baiano morre durante visita a vulcão no Deserto do Atacama no Chile

cardiologista baiano André Luis Andrade de Oliveira, de 49 anos, morreu ao realizar um passeio no Deserto do Atacama, no Chile, no início dessa semana.

O fato ocorreu enquanto visitava o vulcão Láscar, de 5 mil metros de altura. O Conselho Regional de Medicina do Estado da Bahia (Cremeb) divulgou uma nota nesta quarta-feira (15) lamentando o ocorrido.

O médico estava acompanhado da esposa e um grupo turístico. Ele foi procurado por equipes de resgate chilenas. No entanto, foi encontrado sem vida. Ainda não há previsão para sepultamento