Lula é condenado e fica mais longe de se candidatar nas eleições 2018

 

Lula foi condenado pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro por ter recebido como propina da construtora OAS um tríplex no Guarujá e reformas neste imóvel, num valor total de  2,4 milhões de reais, vindos de uma conta corrente mantida pela construtora para o partido, alimentado por dinheiro desviado de contratos da Petrobras. Foi, sem dúvida, o julgamento mais controverso e o que mais debate jurídico provocou no meio político na breve história da Operação Lava Jato. Desde 2014, a operação abala a elite da política brasileira, mas com danos maiores e mais consideráveis para o PT. Também denunciado na operação, o presidente Michel Temer conseguiu barrar duas vezes investigações com vitórias em votações na Câmara dos Deputados.

O ex-presidente escolheu um local simbólico para acompanhar o julgamento: a sede do Sindicato dos Metalúrgicos, em São Bernardo do Campo, local em que nasceu como político ao ganhar protagonismo nas greves do final da década de 1970. Logo no início do julgamento, enquanto os desembargadores iniciavam a leitura de seus votos, ele realizava um pequeno ato. “Estou extremamente tranquilo e com a consciência de que não cometi nenhum crime. A única coisa certa que pode acontecer é eles dizerem que o Moro errou”, ressaltou ele, de acordo com sua conta no Twitter. Seu advogado, Cristiano Zanin, que falou no TRF4 antes do início da leitura dos votos, argumentou que a sentença de Moro falhou ao não provar quais as benesses que o ex-presidente teria recebido em troca do tríplex. E, ainda, que o tríplex pertencia de fato a Lula, já que a propriedade do imóvel estava em nome da OAS.

Repercussão em Barreiras

Em Barreiras não houve nenhuma manifestação, apesar  da Polícia ter ficado de sobre aviso para qualquer eventualidade. As redes socoais e os grupos de Whatsapp e outros aplicativos de mensagens tiveram as suas discussões  em cima desse julgamento. Algumas lideranças políticas de Barreiras deram algumas declarações ao Site Mais Oeste.

Carlos Augusto Barbosa ( Paê ) ex-presidente do PT em Barreiras e ex-vice-prefeito da cidade disse ao Mais Oeste o seguinte:

” Era um resultado esperado, já existia todo um processo para que Lula fosse condenado, agora é esperar o que ai acontecer nos próximos meses “

Paulo Braga , ex- prefeito de Barreiras:

” Resultado esperado, Lula está pagando pelo fez e agora é apenas o início muita coisa deve vir a tona “

Kelly Magalhães, ex- deputada  Estadual

” Já era previsível o resultado. Não se julgou fatos concretos, o que foi julgado foi a figura de Lula e o que ele representa um candidato imbatível nas urnas . O judiciário perde ainda mais a credibilidade e a política fica mais acirrada. Lamento.

 

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *