Bolsonaro teria vetado entrevistadores em sabatina a programa de TV

De acordo com colunista Cristina Padiglione, da Folha Uol, Jair Bolsonaro teria feito restrições a bancada de entrevistadores do programa “Roda Viva”. Diferentemente do que ocorreu com seus adversários na disputa à presidência da República, o candidato pelo PSL, foi apresentado à sua bancada de entrevistadores do “Roda Viva” desta segunda-feira (29) como alguém que seria sabatinado por um time “livremente escolhido pelo programa”.

Guilherme Boulos (PSOL), Ciro Gomes (PDT), João Amoedo (Partido Novo), Álvaro Dias (Podemos), Marina Silva (Rede) e Manuela D’Ávila (PC do B) foram anunciados, todos eles, em entrevistas realizadas nas semanas anteriores, como entrevistados que “não” fizeram “qualquer restrição à bancada de entrevistadores”.

O diferencial no texto de apresentação do candidato não veio por acaso.

A coluna apurou que Marcelo Tas, com quem Bolsonaro já enfrentou conflitos, era nome desejado pela TV Cultura para a bancada, mas Tas não estava na bancada de entrevistadores do candidato na noite.

Bolsonaro chegou a registrar um processo judicial contra Tas, mas nunca levou o caso adiante, de modo que Tas, até hoje, não foi notificado.

Poucos dias após o registro da ação movida por Bolsonaro, a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, também levantou acusações de suspeita por racismo no candidato.

Em pelo menos duas entrevistas com os presidenciáveis, o “Roda Viva” levou à bancada de entrevistadores com posições sabidamente contrárias às dos entrevistados – com Boulos e Manuela, que enfrentou justamente um integrante da campanha de Bolsonaro, sem que o programa tenha avisado os telespectadores sobre sua posição. Nenhum dos dois se opôs às presenças desses entrevistadores em suas edições.

Ao longo desta segunda, Bolsonaro chegou a ocupar duas posições nos Trending Topics do Twitter. A edição, para quem, não viu, passa agora ao YouTube, onde os adversários de Bolsonaro ocupam os seguintes números de acesso, em um ranking de visualizações registrados ao fim desta segunda:

Ciro Gomes – 1.278.509 de views

Manuela D’Ávila – 907.728 views

Guilherme Boulos – 771.667 views

João Amoedo – 475.630 views

Álvaro Dias – 182.334 views

Geraldo Alckmin – 138 mil views

Henrique Meirelles – 42.103 mil views