Logística para escoamento da safra de soja no Pará trava com excesso de chuva e queda da ponte

Durante entrevista o presidente da Aprosoja Pará, Vanderlei Silva Ataídes, destacou o escoamento complicado da safra de verão no estado do Pará.

Neste momento, em que a colheita de soja deve ganhar fôlego, os produtores estão preocupados com a questão logística – primeiro, em função das chuvas fortes na região, principalmente próximo a Paragominas. Depois, a questão da ponte sobre o Rio Moju, que cedeu após ser atingida por uma balsa.

Para Ataídes, a situação é bastante complicada. A BR-010 (Belém-Brasília) já vinha sofrendo com um rompimento do aterro e, agora, os produtores foram surpreendidos com a notícia da ponte.

Contudo, o fluxo começou a ser normalizado nesta segunda-feira (08) na BR-010, já que haverá um desvio implantado para resolver provisoriamente a situação. A rodovia chegou a ter filas de caminhões parados que atingiram 40km.

Agora, a ponte sobre o Rio Moju é uma “obra gigantesca para ser refeita”. São dois os possíveis caminhos: a implantação de balsas ou um conserto de urgência sobre a rota alternativa – embora este último seja difícil de realizar em um momento de muita chuva.

Fonte//Notícias Agrícolas

Notícias Relacionadas