JCO Fertilizantes: Sustentabilidade no Campo

Criada no início dos anos 2000, a JCO Fertilizantes, localizada às margens da BR-242, em Barreiras (BA), foi a primeira empresa do Oeste da Bahia a apostar em produtos biológicos. Atualmente, atende o Matopiba (acrônimo que faz referência à última fronteira agrícola do País, composta por Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia), além de Goiás, Mato Grosso, Pará e o Distrito Federal.

Os bioprodutos estão em ascensão e a tendência é que ocupe cada vez mais espaço no mercado agrícola. No entanto, há 20 anos, era um mercado incipiente. José Claudio de Oliveira, diretor-presidente da JCO Fertilizantes, apostou nos produtos biológicos, sendo pioneiro na região. “É uma coisa nova que muda os paradigmas da agricultura. Os produtos biológicos entram no sistema através da introdução de microrganismos para combater aqueles organismos que são fitopatogênicos”, explica José Claudio.

Manejo Integrado de Pragas (MIP)

Se antes os produtores optavam por produtos 100% químicos, hoje, para combater as pragas que assolam o campo, os “inimigos naturais” (bioprodutos) unem-se aos produtos químicos, processo chamado de Manejo Integrado de Pragas (MIP).

Além de ser uma prática sustentável, o manejo integrado é economicamente viável, melhorando a performance produtiva.

Notícias Relacionadas