Chefe de grande laboratório de drogas morre após troca de tiros em Luís Eduardo

A polícia localizou  o laboratório de refino de drogas através de uma de denúncia anônima. As equipes da 85ª CIPM,  CIPE/CERRADO e da RONDESP  chegou ao local na Rua Enedino Alves da Paixão, nas proximidades do Bairro Santa Cruz em LEM  por volta das 11 horas da manhã, no local os policiais encontraram uma grande quantidade de drogas, quase um quilo de cocaína e quase 4 quilos de substância análogas ao crack, além de balanças de precisão e embalagens.

Encalço e morte do traficante 

Uma mulher que estava próximo ao local, relatou a PM que o laboratório pertencia a Gilson Ferreira Borges, 58 anos, natural de Panamá-GO, que estava em outro endereço, a polícia  se deslocou para o local indicado e lá localizou o homem suspeito que após a abordagem começou a disparar tiros de uma pistola 9 mm, a polícia respondeu a altura o ataque e acertou o homem que seria o dono do laboratório de drogas. Gilson ainda foi levaod com vida par a UPA de Luís Eduardo mas não resistiu aos ferimentos o que foi constatado pelo médico Paulo Delandre.

Gilson já era procurado por tráfico de drogas 

Os entorpecentes e materiais encontrados, assim como a arma, o carro e a quantia em dinheiro que estava com o resistente foram apresentados na Delegacia de Polícia da Cidade para adoção das medidas cabíveis. Vale ressaltar que, na delegacia foi encontrada na ficha de Gilson Ferreira Borges um mandado de prisão por tráfico de drogas da POLINTER.

A polícia passou a seguinte relação de materiais apreendido na operação

01 (uma) arma calibre 9mm;

01 (um) carregador contendo 14 munições de calibre 9mm;

932 gr (novecentas e trinta e duas gramas) de uma substância análoga à cocaína;

3,778 kg (três quilos e setecentas e setenta e oito gramas) de uma substância análoga ao crack;

R$ 2.777,00 (dois mil setecentos e setenta e sete) em espécie;

49 kg (quarenta e nove kilos) de ácido bórico;

05 (cinco) balanças de precisão;

08 (oito) frascos contendo 100ml (cem) de acetona cada;

2 (dois) celulares de marca Samsung e LG;

01 (uma) caminhonete GM S10 prata, placa FDW 9664;

Diversos materiais para o preparo da droga: tesouras, sacos plásticos, ralador, etc.

 

Notícias Relacionadas