Caminhada contra o abuso e a exploração sexual de movimentou as ruas de LEM

Centenas de pessoas participaram da caminhada contra o abuso e a exploração sexual de crianças e adolescentes no Centro da cidade e saíram em caminhada pela Rua Paraíba, Avenida JK e Rua Pernambuco. Arganizada pela secretaria de Trabalho e Assistência Social de Luís Eduardo Magalhães, com o apoio do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) e o Conselho Tutelar.

De acordo com o secretário de Trabalho e Assistência Social, Fábio Rocha, o objetivo da caminhada é mobilizar, sensibilizar, informar e convocar toda a sociedade a participar da luta em defesa dos direitos de crianças e adolescentes, especialmente o direito de crescerem saudáveis e livres do abuso e da exploração sexual.

“A nossa sociedade não pode mais aceitar esse tipo de crime e atitudes como as caminhadas ajudam a conscientizar a importância das denúncias, para que as autoridades responsáveis adotem as medidas necessárias no sentido de punir os responsáveis e evitar o aparecimento de novos casos”, comentou o titular da pasta.

A violência sexual praticada contra a criança e adolescente pode ocorrer de duas formas: pelo abuso sexual ou pela exploração sexual. O que difere os dois termos é o objetivo do ato. Geralmente o abuso sexual parte de pessoas próximas e atuantes no âmbito social das vítimas, ele vem a ser uma violação para satisfação pessoal, sem valor comercial. Enquanto exploração sexual é a utilização do corpo da criança como objeto de prazer em serviço lucrativo, neste contexto, o intuito da violação é obter vantagens acerca da inferioridade dos menores.

Muitas crianças e adolescentes que são coagidos e violados apresentam mudanças comportamentais que fogem do seu padrão de atitudes, sendo assim, é essencial que os familiares, educadores, comunidade social estejam atentos aos sinais para que a denúncia possa ser efetuada.

Para fazer denúncias sobre o abuso e a exploração sexual de crianças e adolescentes basta ligar para o Disque 100 ou para o Conselho Tutelar de Luís Eduardo Magalhães. O número é o 77 3628 1293. Não é preciso se identificar.

Notícias Relacionadas