Cidades brasileiras registram paralisações no transporte público e protestos nesta sexta

Cidades brasileiras registram protestos e paralisações em serviços públicos na manhã desta sexta-feira (14). Trabalhadores cruzaram os braços contra os cortes do governo na educação e a reforma da Previdência. Por volta de 9h, ao menos 20 estados e o DF tinham sido afetados.

No início da manhã, os efeitos da paralisação eram sentidos nas grandes cidades principalmente no transporte público e com o fechamento de vias. Somente parte das linhas de ônibus, trem ou metrô funcionavam em capitais como São Paulo, João Pessoa, Curitiba, Maceió e Salvador. No Rio, protestos bloquearam vias da cidade.

Estudantes fazem protestos em Barreiras

As Universidades de Barreira aderiram a paralisação nacional e não tiveram aula. Na manhã desta sexta-feira (14), alunos e professores protestaram contra a Reforma da Previdência e os cortes de verbas para a educação nas principais avenidas da cidade a Clériston Andrade e a Benedita Silveira. Eles ficaram concentrados na Praça Castro Alves.

Notícias Relacionadas