Rede Globo anuncia mais três grandes baixas no jornalismo

As baixas no jornalismo da Rede Globo parecem não ter fim. Desta vez, os anúncios da saída do irreverente Marcos Canuto e o afastamento do jornalista de esporte Marcos Uchôa pegaram o público de surpresa.

Primeiro foi o anúncio de que Márcio Canuto está deixando a TV Globo, após 21 anos de casa, porque o repórter resolveu se aposentar. Dono de um estilo irreverente, em 1998, Canuto trocou Alagoas por São Paulo e se tornou uma das figuras mais populares e queridas do departamento de jornalismo. Iniciou sua carreira no extinto Diário de Alagoas, em 1963, aos 17 anos: “fiquei 30 anos sem folga, porque além do jornalismo no meio da semana, eu também fazia futebol aos domingos”.

Canuto admite que até existiu a possibilidade de renovar seu contrato mais uma vez, “iniciei a negociação, porém, aos 73 anos, quero descansar um pouco e curtir a minha família. Me divertir. A TV Globo está sendo sensacional comigo”.

Afastamento de Marcos Uchôa

Já Marcos Uchôa decidiu se afastar por seis meses da TV Globo. O pedido de licença se deu por conta da cansativa cobertura da Copa América e pelo “desgaste interno” na emissora. Uchôa não gostou de ter perdido espaço na Globo ao longo da cobertura. Acostumado a realizar grandes reportagens na TV aberta, ele apareceu apenas no SporTV em pequenas entradas ao vivo e sem tratar da seleção brasileira.

Em nota, a TV Globo confirmou a informação, mas não deu maiores detalhes sobre o afastamento. “O repórter Marcos Uchôa pediu uma licença não remunerada de seis meses e voltará em janeiro de 2020”, disse a emissora.

Uchôa começou a trabalhar na TV Globo em 1987 e é considerado por muitos como o principal repórter do departamento de esportes, atrás apenas de Tino Marcos. Ao longo de mais de 30 anos, cobriu diversas edições de Olimpíadas e Copas do Mundo, além de ter sido correspondente internacional em Londres e Paris.

Revelação dos últimos anos

O clima de despedida de grande profissionais parece não ter fim na Globo e, além de Uchôa e Canuto, mais um grande nome da TV Globo anunciou que não fará mais parte do quadro de repórteres e profissionais. Phelipe Siani repórter, de 35 anos, que vive um relacionamento sério com Mari Palma, com a cobertura de uma Copa do Mundo na bagagem, ele se tornou um dos principais nomes esportivos dentro da TV Globo, participando de diversas atrações e sendo um dos principais porta-vozes do tema dentro da casa.

A notícia veio à tona em um grupo de Whatsapp exclusivo de jornalistas da emissora. Em contato com a comunicação da TV Globo, foi confirmada a saída do profissional e como motivo, entregaram que ele havia pedido a demissão. Até então, ele não se pronunciou sobre o assunto.

Além da vida jornalística, Siani comanda uma agência de conteúdo junto com Rafa Batista, chamada Albuquerque Content. Na mesma, eles são responsáveis pela realização de diversos trabalhos, como Branded content, mini documentários, curtas, podcasts, mídias sociais e games.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *