Racismo, mentiras e brigas: Veja as principais revelações de Meghan e Harry

Foto//Phil Harris / Pool / Via AFP

Neste domingo (07), Meghan Markle, a duquesa de Sussex, e o seu marido, o príncipe Harry, deram uma entrevista ao programa da apresentadora Oprah Winfrey no qual revelaram mágoas e ressentimentos em relação à família dele.

Markle, que é afro-americana, disse que o marido, o príncipe Harry, revelou as preocupações de sua família sobre o tom de pele de Archie, bem como a segurança a que ele teria direito, antes de seu nascimento em 6 de maio de 2019.

Pele escura

Meghan afirmou que uma pessoa da família real britânica fez comentários sobre quão escura seria a pele de Archie, o filho do casal. Ela não quis identificar quem fez o comentário. Harry afirmou que eles nunca revelarão quem foi.

Ela disse que a família real se recusou a dar o título de príncipe a Archie. Harry afirmou ainda que nenhum membro da família real protestou contra as reportagens racistas sobre Meghan.

Meghan disse que ela se sentiu tão mal como uma nobre que ela chegou a ter pensamentos suicidas. Ela disse que pediu ajuda, mas que ninguém ajudou. “Eu simplesmente não queria mais estar viva”, afirmou.

Príncipe Charles não atende telefonemas do filho

O príncipe Harry afirmou que seu pai, o príncipe Charles, herdeiro do trono, se recusou a atender suas chamadas em um momento. “Eu me sinto muito decepcionado, porque ele passou por algo semelhante. Ele sabe como é a dor. Eu sempre vou amá-lo, mas há muitas coisas dolorosas que aconteceram”, disse.

Kate fez Meghan chorar

Meghan desmentiu reportagens que ela teria feito Kate, a mulher do príncipe Wiliam, chorar. Meghan disse que foi o contrário: Kate a fez chorar antes do casamento de 2018 por causa dos vestidos para algumas das meninas que participariam do evento.

Mentiras palacianas

Meghan disse que no palácio estavam dispostos a proteger outros membros da família, “mas não estavam dispostos a dizer a verdade para proteger a mim e meu marido”.

A história se repete?

Harry afirmou que sua maior preocupação seria que a história se repetisse –uma referência à morte de sua mãe, Diana, que morreu em um acidente de carro em 1997, quando seu carro tentava escapar de veículos onde havia fotógrafos.

Membros da realeza sem dinheiro

Harry afirmou que sua família o abandonou financeiramente, e que ele usou o dinheiro da herança deixada por Diana. Ele afirmou que estava especialmente magoado com a família por eles terem negado pagar pelos seus seguranças.

“Acho que ela [Diana] estaria muito brava agora e muito triste. Mas no fim, tudo que ela queria era que fôssemos felizes”, disse ele.

Rainha Elizabeth II

Harry afirmou que manteve a rainha Elizabeth II informada sobre seus planos de deixar a realeza. Meghan afirmou que a rainha sempre foi maravilhosa com ela.

*G1

Quer mais notícias, clique aqui: www.maisoeste.com.br