Morre, aos 50 anos, o prefeito Mezo de Angical

O prefeito da cidade de Angical, no oeste da Bahia, Emerson Mariani Dias, o Mezo (PP), morreu, neste domingo (26), em Salvador. Ele tinha 50 anos. A morte do prefeito foi confirmada pela União dos Prefeitos da Bahia (UPB).

Ainda de acordo com informações da UPB, Mezo tratava de um câncer. Ele morreu na cirurgia que fazia para tratamento da doença. Mezo estava no seu primeiro mandato como prefeito da cidade. Ele foi eleito em 2020 com 53,57% dos votos.

Em nota publicada nas redes sociais, a UPB lamentou a morte e completou afirmando que Mezo “deixa um legado de compromisso com sua terra e o desejo de construir uma Angical melhor para o seu povo”. Mezo também era vice presidente da União dos Municípios do Oeste da Bahia (UMOB).

Ainda não há informações sobre velório e sepultamento do gestor. Mezzo era casado e tinha dois filhos. Com a morte do prefeito, quem assume o cargo na cidade é o vice, Antônio Neto, do PSD. UPB disse que prefeito Mezo “deixa um legado de compromisso com sua terra” — Foto: Redes sociais

Pelas redes, prefeitos de outras cidade da região lamentaram a morte do político. Deputado estadual da região, Antônio Henrique Júnior (PP) disse que Mezo “sempre atuou com muita disposição para liderar uma gestão transformadora”.

Fonte//G1