Barreiras: Em assembleia, servidor solicita a retirada dos projetos 09 e 10 de votação

A assembleia extraordinária que aconteceu na tarde de ontem,18, em frente a Câmara de Vereadores, as presidentes do Sindsemb Carmélia da Mata e a presidente do Sinprofe, professora Arizângela Farias, apresentaram e distribuíram cópias dos Pareceres das Comissões de Comissão de Constituição, Justiça e Redação Final, Comissão de Educação, Cultura, Esporte e Lazer e Comissão de Finanças, Orçamentos, Contas e Fiscalização, que já emitiram sua APROVAÇÃO aos projetos de lei n°09 e n°10 enviado pelo poder executivo.
 “Me senti atraiçoado, porque visto a camisa de Barreiras todos os dias, ofereço serviço de qualidade a população e acredito que somos os maiores colaboradores da gestão. No dia 11 estava aqui com meus colegas de trabalho, questionando, pedindo que os vereadores fossem justos, e agora vejo esse documento. Sinceramente, estou desacreditado e por isso solicitamos encarecidamente que o prefeito retire esse projeto”, disse Antonio Carlos, servidor da saúde.
Centenas de servidores compareceram, participaram e deliberaram pela manifestação pacifica que acontecerá amanhã, 20, em frente ao Fortiori, momento que o governador Rui Costa estará visitando Barreiras e entregando obras. Os servidores municipais pretendem sensibilizar toda a sociedade, e principalmente a gestão municipal no tocante a retirada dos projetos.
“Estamos numa luta que é de toda cidade. É inadmissível a retirada dos direitos dos servidores, e ficamos mais sublevados porque esses pareceres já estavam prontos, enquanto estávamos na Câmara dia 11, pedindo que dialogassem, que avaliassem e que lessem na integra como essa atitude arbitrária estaria prejudicando a vida socioeconômica de mais de 3 mil famílias. Mas a cada dia de decepção, buscamos uma vitória, sabemos que a sociedade esta acompanhando tudo e nos dando força para lutar, caminhar e não desistir”, disse a presidente Carmélia da Mata.
Durante a movimentação da assembleia, muitos profissionais e professores se manifestaram, e a professora e ex-vereadora Nilza Lima também compareceu para expor seu apoio e questionar todas os caráteres impositivo que evidencia o processo de reformulação do plano de cargo e salários de todos os servidores de Barreiras.     
 
ASCOM/SINDSEMB