Presidente Temer passa mal e é levado para o hospital

 

No dia em que denúncia por obstrução de justiça e organização criminosa deve ser votada, o presidente da República, Michel Temer, passou mal e foi encaminhado para o centro cirúrgico do Hospital do Exército, em Brasília (DF). A notícia foi divulgada  agora a pouco pela jornalista Andreia Sadi, da GloboNews.

A assessoria de comunicação da Presidência da República ainda não se pronunciou. As primeiras informações dão conta de que o problema seria urológico e não tem nada haver com o cateterismo que o presidente deve realizar.

 

A sessão para votação do processo contra Temer foi adiada, no plenário da Câmara, por falta de quórum. Além do presidente da República, os ministros Eliseu Padilha (Casa Civil) e Moreira Franco (Secretaria-Geral) também são alvo da Procuradoria-Geral da República. Já existe uma repercussão sobre esse mal esrtar so presidente Temer, não foi apenas um mal estar e que não foi nada de rotina.