Projeto forma novos agentes mirins de combate ao desperdício de água em Barreiras

A Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) promoveu na última terça-feira (31) a formação de um grupo de 40 estudantes da Escola Municipal Santa Luzia, em Barreiras, que se tornaram os novos agentes de combate a perdas (ACP´s) mirins.

Depois de sensibilizados sobre a importância e dicas práticas de como identificar e reduzir vazamentos dentro dos imóveis ou na rede de água, os ACP´s mirins fizeram uma rápida ‘fiscalização’ dentro da própria escola para colocar em prática o conhecimento repassado. A ação da Embasa, que integra o projeto “De Olho nas Perdas”, visa trabalhar de maneira integrada e estratégica uma série de ações das áreas operacionais, comerciais e sociais para reduzir os índices de perdas em seus sistemas de abastecimento em toda a Bahia.

Paramentados com boné, camisa e uma garrafinha do projeto, o estudante Jairo Tavares, 11 anos, do 5º ano fundamental, gostou das dicas para reduzir o consumo de água principalmente no banheiro. “Agora, vou falar com a minha família para ficar menos no banho e deixar a torneira fechada”, afirma.

Ao selecionar os líderes de turma para participar da ação de formação dos ACP´s mirins, a diretora Adilma Vilela, reforçou que os estudantes devem se apropriar do simbolismo dessa ação e atuar em casa, na escola e na comunidade. “Juntamente com a Embasa, vamos planejar uma atividade na escola e no bairro para levar a função dos agentes de combate a perdas levando essas informações com dicas práticas para a população”.

Ao promover a ação, a assistente social, Geisa Mendes, acredita que a formação dos agentes mirins, com a entrega do kit, garante um empoderamento dessas crianças e adolescentes, que passam a identificar e apoiar na solução de um vazamento ou de arraigar hábitos que evitem o desperdício de água entre familiares, amigos e colegas.