LEM: Embasa investe na rede distribuidora  para acompanhar crescimento imobiliário 

Foto//Embasa

Com obras em andamento no valor total de R$ 4,1 milhões, a Embasa está trabalhando na melhoria e ampliação da rede distribuidora de água de Luís Eduardo Magalhães, no Oeste da Bahia. A empresa vem construindo um reservatório apoiado com capacidade para armazenar 2.200 metros cúbicos de água tratada e uma nova estação de bombeamento. O investimento vai garantir eficiência na distribuição e melhorar o atendimento nos bairros Altos do Cerrado, Campos Elisíos, Jardim Ypê, Jardim Alvorada, Jardim das Acácias, Jardim Imperial, Jardim das Oliveiras, Tropical Ville I e II e Vereda Tropical.

Para acompanhar a expansão imobiliária nesta área da cidade, a Embasa também está perfurando um novo poço para futura operação, de forma a permitir maior rapidez na retomada do abastecimento em caso de interrupções programadas ou emergenciais do sistema. “Luís Eduardo vem crescendo na última década acima da média nacional. A Embasa trabalha para dotar a infraestrutura instalada de capacidade para atender a demanda de novos loteamentos e bairros, com eficiência na operação do sistema de abastecimento e um bom serviço prestado à população”, afirma o gerente regional da Embasa, Lucas de Moura Araújo.

Em se tratando de expansão, a empresa está finalizando também a ampliação de 1.162 metros de rede distribuidora de água para atender 82 novas ligações domiciliares, beneficiando os moradores dos bairros Conquista e Santa Cruz III. Nos últimos dez anos, a Embasa avançou 138,22 % em novas ligações em LEM, com 20.468 mil novos imóveis atendidos. Para acompanhar o ritmo de crescimento da cidade, a empresa investiu um montante de R$ 11,1 milhões, neste período, para abrir novos poços de captação, instalar equipamentos de bombeamento e ampliar a rede distribuidora.

A Embasa opera atualmente uma estrutura composta por cinco poços de captação, 8.451 metros de adutora, 259.954 metros de rede distribuidora, uma estação de bombeamento e três reservatórios com capacidade total de 1.800 m³. Em Luís Eduardo Magalhães, a empresa atende 27.362 mil imóveis, contemplando cerca de 83 mil moradores com água tratada na sede de Luís Eduardo Magalhães.

Assessoria de Comunicação da Embasa

Quer mais notícias, clique aqui: www.maisoeste.com.br