Começam as entregas do projeto “Algodão que Aquece 2021”

Foto//Ascom

Quem conhece o frio da nossa região, sabe como casacos podem fazer a diferença no dia a dia das pessoas. Essa diferença é ainda maior quando se tratam de crianças. Com o intuito de levar mais conforto e bem-estar aos estudantes na época em que as temperaturas ficam mais baixas, o projeto “Algodão que Aquece” está iniciando no mês de julho as primeiras entregas dos casacos 100% algodão às crianças da zona rural do Oeste baiano. Ao todo, aproximadamente 60 escolas serão beneficiadas.

O “Algodão que Aquece” é realizado pelo Núcleo das Mulheres do Agro anualmente, desde 2018, e já atendeu mais de 4 mil crianças nas principais cidades do Oeste da Bahia. Para elas são entregues casacos de algodão, uma ação lúdica educativa e muito carinho. “Nosso projeto procura inserir a criança na realidade à sua volta, onde o agronegócio e a cultura do algodão são tão importantes e representativas. Elas conhecem um pouco da atividade agrícola da nossa região e ainda se aquecem com os casacos, que fazem a diferença em seu dia a dia nesta época”, conta Suzana Viccini, presidente do Núcleo.

Solidariedade e educação

Além da entrega dos casacos, o projeto também tem o objetivo de desenvolver o pilar educacional, que se dá por meio da entrega de informações esclarecedoras, corretas e seguras acerca da cadeia produtiva do algodão.

Para levar este conhecimento, este ano, o Núcleo propôs a apresentação de uma animação cinematográfica, utilizando-se de técnica audiovisual para abordagem pedagógica e com uso dos personagens infantis Cadu e Nina. Em conjunto com as Secretarias Municipais de Educação de cada cidade, o material apresentado embasa uma proposta pedagógica de estudo para os alunos, que deverão apresentar uma devolutiva aos professores.

“Através da colaboração de todos, buscamos envolver pais, alunos e coordenação da escola no desenvolvimento de uma atividade coletiva leve e lúdica que agrega conhecimento e experiência à vida das crianças, ampliando sua visão de mundo”, defende Suzana Viccini.

Entregas 2021

As entregas dos casacos às comunidades e escolas são realizadas com a presença das integrantes do Núcleo e de alguns dos apoiadores do projeto, que conta com a adesão de entidades e empresas importantes ligadas ao agro na região.

Em 2021, as comunidades rurais das cidades de Riachão das Neves, Santana, Mansidão e Barreiras serão beneficiadas. Confira abaixo a programação das primeiras entregas a serem realizadas.

PROGRAMAÇÃO DE ENTREGAS

24 de julho (sábado)

Mansidão às 14h

27 de julho (terça-feira)

Abertura oficial do projeto às 8h

Manhã: Riachão das Neves

Tarde: Entrega no povoado de Entroncamento – Riachão das Neves

28 de julho (quarta-feira)

Manhã: Povoado de Cariparé – Riachão das Neves

Tarde: Rota de Cariparé – Riachão das Neves

29 de julho (quinta-feira)

Manhã: Povoado de São José – Riachão das Neves

Tarde: Rota de São José e Povoado de Barra do Riacho – – Riachão das Neves

30 de julho

Povoado Gerais

Manhã: Escola João Durval às 8h

OBS.: A programação das entregas no município de Santana está sendo montada para o mês de agosto e será enviada em breve.

*Assessoria

Quer mais notícias, clique aqui: www.maisoeste.com.br