A politização do caso polêmico do Coronavírus em Barreiras, por Ronimarkes Mota

O resultado do novo teste feito pelo estado da Bahia do funcionário público de Barreiras que tinha dado positivo para COVID-19 no exame feito por um laboratório particular,  saiu ontem ( 30 ) no fim da tarde e deu negativo,  Barreiras continua com um caso confirmado e curado da doença.

As redes sociais e bastidores em efervescência

Mas antes do  anúncio do caso a expectativa para esse anúncio trouxe uma ebulição partidária na cidade , de um lado uns que torciam  e acreditavam que o caso era verdadeiro e que o poder público estaria escondendo do povo casos confirmados da covid-19, do outro lado tinha os que torciam para que o exame fosse negativo e os números continuarem baixos na cidade de Barreiras. Torcidas à parte, o que se viu foi  uma mobilização política para o caso em questão, as redes sociais ferviam de diretas e indiretas para ambos os lados, boatos e comentários não foram raros de se ver, ler e ouvir. O certo é que 30 de abril marca em Barreiras o início de fato da eleição municipal de 2020, se tivermos eleições o Supremo Tribunal Eleitoral ainda estuda o caso por causa da pandemia do coronavírus, se antes existiam ataques e investidas tímidas acreditamos que a partir de agora as coisas devam ser mais sérias e pesadas no que se trata a questões  eleitorais, mas por outro lado não vamos deixar que essa questão interfira no foco de prevenção para o novo coronavírus, se ainda não temos casos confirmados que continuem assim, se aparecerem que sejam previamente divulgados, aliás tem que ser pois estamos tratando de uma pandemia e não de epidemia.  A oposição deve e  precisa  fiscalizar e apresentar os questionamentos e as autoridades competentes fazer o papel de prevenção e auxilio eficaz a população. Vale ressaltar também aqui neste espaço que essa prática não é só aqui, ela vem se tornando uma prática em vários estados e até nacionalmente.

Quer Ter Mais Notícias Exclusivas clique AQUI: www.maisoeste.com.br